[Resenha]: Amigas para sempre (Kristin Hannah)

00:19

Título: Amigas para Sempre | Autora: Kristin Hannah | Editora: Arqueiro | Edição: 1 | Páginas: 446 | Nota: 4 de 5

Sinopse: Amigas Para Sempre - Tully Hart tinha 14 anos, era linda, alegre, popular e invejada por todos. O que ninguém poderia imaginar era o sofrimento que ela vivia dentro de casa: nunca conhecera o pai, e a mãe, viciada em drogas costumava desaparecer por longos períodos, deixando a menina aos cuidados da avó. Mas a vida de Tully se transformou quando ela se mudou para a alameda dos Vaga-lumes e conheceu a garota mais legal do mundo. Kate Mularkey era inteligente, compreensiva e tão amorosa que logo fez Tully sentir-se parte de sua família. Ao longo de mais de trinta anos de amizade, uma se tornou o porto seguro da outra. Tully ajudou Kate a descobrir a própria beleza e a encorajou a enfrentar seus medos. Kate, por sua vez, a ensinou a enxergar além das aparências e a fez entender que certos riscos não valem a pena. As duas juraram que seriam amigas para sempre. Essa promessa resistiu ao frenesi dos anos 1970, às reviravoltas políticas das décadas de 1980 e 1990 e às promessas do novo milênio. Até que algo acontece para abalar a confiança entre elas. Será possível perdoar uma traição de sua melhor amiga? Neste livro, Kristin Hannah nos conta uma linda história sobre duas pessoas que sabem tudo a respeito uma da outra – e que por isso mesmo podem tanto ferir quanto salvar.



Comentários


"A sua geração tem muita sorte. Vocês podem ser o que quiserem. Mas você precisa de arriscar às vezes. Se abrir para o mundo. Uma coisa que eu posso lhe dizer com certeza é o seguinte: na vida, a gente só se arrepende do que não faz"
Página 27

Quem acompanha as minhas resenhas aqui já deve ter percebido que todos os livros que li da Kristin Hannah foram indicados pela Fran, do Universo Literário, e esse não foi diferente. Além de me presentear com o livro, a leitura de Amigas para Sempre ficou rodeada de expectativas devido aos vários comentários positivos que a Fran teceu. Claro que já deu pra perceber que a opinião dela é tendenciosa, mas o fato é que a Kristin sabe como escrever histórias emocionantes.

O livro conta a história da amizade entre Tully e Kate. Tully é bonita e popular e se muda para a casa em frente à de Kate na Rua Alameda dos Vagalumes. Kate, por sua vez, é tímida e solitária e passa bastante tempo sozinha ou na companhia da família. A aproximação entre Tully e Kate acontece de maneira inusitada no momento em que as duas meninas tão diferentes percebem que tem coisas em comum. E é mais ou menos assim que surgem todas as amizades. Motivo pelo qual gosto tanto da narrativa da autora: tudo é muito natural e verossímil e essas características nos ajudam a nos identificar com os personagens.

Apesar de diferentes, as duas estavam ávidas por alguém em quem confiar e dividir momentos felizes e os pesos das inseguranças da adolescência. Por isso, elas se tornam inseparáveis. Planejam uma vida inteira juntas e mesmo com os descaminhos normais da vida as duas se mantém amigas até a fase adulta. A história é narrada em terceira pessoa e através dela acompanhamos as intersecções e os afastamentos da vida das meninas durante 30 anos. São diversos momentos compartilhados entre Kate e Tully, desde algum tempo antes de se tornarem amigas, o florescer da amizade aos 14 anos e tudo que se seguiu depois disso. A narrativa apresenta ao leitor de maneira honesta como as vizinhas da Alameda dos Vagalumes encaram o ensino médio, a faculdade, a carreira, o amor, a família e a amizade.

E impossível não se identificar em algum momento com Kate ou Tully. Kate se tornou a minha predileta, mas claro que ela tinha defeitos. E Kristin Hannah não a poupou nesse aspecto, não poupou nenhum personagem. Em diversas situações me questionei sobre que atitude teria ou se suportaria determinada problema ou mesmo como transporia alguma crise na amizade. Porque é claro que as crises existem, afinal nenhum relacionamento real se mantém estável durante 30 anos. Além de toda a história, uma das coisas mais interessantes neste livro é ver o desenvolvimento das personagens, acompanhar seu amadurecimento ao longo do livro é sem dúvida bonito de se ver e se ler. Recomendo!

Érika Rodrigues

Também poderá gostar

7 comentários

  1. "A sua geração tem muita sorte. Vocês podem ser o que quiserem. Mas você precisa de arriscar às vezes. Se abrir para o mundo. Uma coisa que eu posso lhe dizer com certeza é o seguinte: na vida, a gente só se arrepende do que não faz" Caramba, essa frase, oh! Adorei a história, e parece realmente emocionante. Com certeza estarei procurando para ler.

    Bom feriado de páscoa Érika, beijinhos linda. (:

    ResponderExcluir
  2. Oi Érika tudo bem? Eu ainda não conheço a escrita da Kristin, mas sei o quanto ela é elogiada no meio =/ preciso tomar vergonha na cara e colocar isso em dia hahaha mas eu adoro tramas que fazem com que o leitor se identifique inteiramente com os personagens, acho que vou adorar a leitura!

    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  3. Oi! Adorei a resenha! Li este livro no final do ano passado e amei, é muito lindo e também gostei muito da Kate. O maior ponto positivo foi, na minha opinião, o amadurecimento das personagens, como você comentou, e o fato das duas serem muito humanas, errando e aprendendo. :)
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Olha eu tenho esse livro e o segundo e sinceramente estou bastante curiosa para saber da história, porque me parece ser bastante envolvente, ainda mais se tratando de amizade que é tão lindo hoje em dia entre duas pessoas. Eu na verdade amei tudo que você abordou sobre a história e também o seu ponto de vista sobre tudo que houve com as personagens. Quero muito conhecer a escrita da autora e espero me surpreender =]

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2015/04/the-book-jar-parte-4.html

    ResponderExcluir
  5. Érika, eu bato na tecla quanto o assunto é Kristin Hannah justamente por isso: verossimilhança. Ela parece entender sobre a vida de um modo peculiar, pois suas histórias são sempre bem reais e tocantes, e sem nenhum exagero. Ai como eu amo essa KH! Hahahahah. Fiquei muito feliz com a sua aprovação... que tenhamos mais histórias dela para compartilhar. <3

    Abraços,
    Fran

    ResponderExcluir
  6. Saudações Lady Erika,
    Me interessei pelo livro logo pelo título. Tive crises com duas melhores amigas e de uma delas não houve salvação (foram 12 anos de amizade)
    Então, com toda certeza eu lerei esse livro!

    Venha visitar o Castelo
    Att
    The Queen’s Castle, Ana P. Maia ♛

    ResponderExcluir
  7. Olá,
    Sou mega fã dessa autora e esse é meu livro favorito dela, sou apaixonada por essa história <3. Aliás, tudo que ela escreve é incrível demais!
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com
    Beijos.

    ResponderExcluir